-

Parceiros e convênios Sinconsete
SINCONSETE
SINCONSETE
SINCONSETE

 


Com fábrica em Sete Lagoas, grupo dono da Iveco vai se dividir em duas empresas

06/09/2019



   

 Detentora de marcas como Iveco e New Holland, o grupo CNH Industrial, que tem em Minas Gerais sua sede na América Latina, anunciou na terça-feira a separação em duas empresas, uma voltada para máquinas agrícolas, construção e segmentos especializados e outra para veículos pesados e motores industriais.
 
A estratégia faz parte do plano de negócios da empresa para 2024, apresentado nesta terça-feira na Bolsa de Valores de Nova York. Com fábricas em Contagem e Betim, na Grande BH, e em Sete Lagoas, na Região Central de Minas, a CNH projeta crescer 5% ao ano com a reestruturação.
 
A separação da gigante, que reúne 12 marcas de ônibus, caminhões e máquinas pesadas, vai ocorrer a partir do primeiro semestre de 2021 e concretizada até o fim de 2022. A divisão não traz impacto imediato nas marcas. Segundo a companhia, o projeto, batizado de “Transform 2 Win” (na tradução, transformar para vencer), vai reduzir os custos de operação e aumentar a eficiência da empresa.
 
“Olhando para a composição do nosso portfólio com lentes estratégicas, concluímos que as tendências sobre nossos segmentos impactam de forma diferente os segmentos dentro e fora de estrada”, afirmou o CEO da CNH Industrial, Hubertus Muhlhauser. Ele destacou também que dinâmicas de mercado distintas entre os dois segmentos motivaram a decisão.
 
O braço "On-Highway" unirá marcas de veículos comerciais e motores industriais. Isso inclui as marcas Iveco e Iveco Bus, juntamente com a FPT Industrial, especializada em motores industriais. Todas elas têm unidades em Sete Lagoas.
 
Já o "Off-Highway", fora de estrada, vai reunir as marcas voltadas para agricultura, construção e segmentos especializados, como a Iveco Veículos de Defesa, também em Sete Lagoas. A New Holland, fábrica de tratadores e máquinas agrícolas, e a Case IN, que produz máquinas de construção, ambas com plantas em Contagem, na Grande BH, farão parte do braço fora de estrada.
 
A empresa pretende investir US$ 13 bilhões nas duas vertentes, dentro e fora de estrada, nos próximos cinco anos, mas não especificou investimentos no Brasil – a sede da empresa na América Latina se encontra em Nova Lima, na região metropolitana. A empresa conta com sete fábricas no Brasil, sendo quatro delas em Minas Gerais.
 

Agricultura
 
Muhlhauser indicou, entretanto, que Índia e América do Sul são mercados em crescimento. O grupo planeja investir o total de US$ 5,6 bilhões em agricultura, que inclui a aquisição de empresas como a AgDNA, especializada em gerenciamento de dados nas lavouras. O setor de construção receberá US$ 1,2 bilhão, o que deve impactar diretamente a Case IN em Contagem.
 
Embora os detalhes não tenham sido revelados, no caso da Iveco, a intenção é fortalecer a marca, com investimentos em atualização de produtos e tecnologia. A meta é tornar os veículos comerciais líderes globais em transporte sustentável.
 
Mais de 20 lançamentos estão previstos até 2024, incluindo caminhões e ônibus. Os principais esforços se concentrarão no desenvolvimento de veículos mais sustentáveis, com menor emissão de gases e modelos híbridos e elétricos. A previsão é de US$ 4,2 bilhões em recursos.
 
Para os investidores, o CEO apontou que as mudanças indicam aumento de 14% para 20% no retorno do capital. O anúncio ocorreu durante o Capital Market’s Day, na Bolsa de Valores de Nova York.


Clique na imagem para ampliar.


     


Fonte: Estado de Minas



Menu cadastros



     




[« Voltar]   [Pagina inicial]
-  -

BAse refetente as cidades:

Araçai, Baldim, Conceição de Mato Dentro, Cachoeira da Prata, Congonhas do Norte, Cordisburgo, Corinto, Capim Branco, Caetanópolis, Diamantina, Datas, Funilandia, Fortuna de Minas, Felixlândia, Gouveia, Inimutaba, Inhaúma, Joaquim Felício, Jequitibá, Morro da Garça, Matozinhos, Monjolos, Presidente Juscelino, Presidente Kubitsckek, Pompeu, Paraopeba, Prudente de Morais, Sete Lagoas, Santana de Pirapama, Santana do Riacho, Santo Hipólito, Três Marias e Virgem da Lapa

Sindicato dos Contabilistas de Araçai, Sindicato dos Contabilistas de Baldim, Conceição de Mato Dentro, Sindicato dos Contabilistas de Cachoeira da Prata, Sindicato dos Contabilistas de Congonhas do Norte, Sindicato dos Contabilistas de Cordisburgo, Sindicato dos Contabilistas de Corinto, Sindicato dos Contabilistas de Capim Branco, Sindicato dos Contabilistas de Caetanópolis, Sindicato dos Contabilistas de Diamantina, Sindicato dos Contabilistas de Datas, Sindicato dos Contabilistas de Funilandia, Sindicato dos Contabilistas de Fortuna de Minas, Sindicato dos Contabilistas de Felixlândia, Sindicato dos Contabilistas de Gouveia, Sindicato dos Contabilistas de Inimutaba, Sindicato dos Contabilistas de Inhaúma, Sindicato dos Contabilistas de Joaquim Felício, Sindicato dos Contabilistas de Jequitibá, Sindicato dos Contabilistas de Morro da Garça, Sindicato dos Contabilistas de Matozinhos, Sindicato dos Contabilistas de Monjolos, Sindicato dos Contabilistas de Presidente Juscelino, Sindicato dos Contabilistas de Presidente Kubitsckek, Sindicato dos Contabilistas de Pompeu, Sindicato dos Contabilistas de Paraopeba, Sindicato dos Contabilistas de Prudente de Morais, Sindicato dos Contabilistas de Sete Lagoas, Sindicato dos Contabilistas de Santana de Pirapama, Sindicato dos Contabilistas de Santana do Riacho, Sindicato dos Contabilistas de Santo Hipólito, Sindicato dos Contabilistas de Três Marias e Sindicato dos Contabilistas de Virgem da Lapa.

SINCONSETE/MG

SINDICATO DOS CONTABILISTAS, CONTADORES, TÉC. EM CONTABILIDADE E DE EMPREGADOS EM ESCRITÓRIOS DE CONTABILIDADE, AUDITORIAS E PERÍCIAS CONTÁBEIS DE SETE LAGOAS E REGIÃO – SINCONSETE/MG, CNPJ nº 21.012.943/0001-04. CODIGO SINDICAL: 921.012.188.01315-7




SEDE SOCIAL / SALÃO DE EVENTOS

Rua Espinosa, 385 Padre Teodoro - MG CEP 35.702-122







..

Desenvolvido por: Geraldo junio -